AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA (online, via aplicativo): 06/08 - 17H

imprensa

18/03/2009

Comandante da Guarnição Especial da PM em Brusque participa de Sessão Ordinária

O Tenente Coronel, Valberto Della'Antônia, Comandante da Guarnição Especial da Polícia Militar em Brusque, participou da Sessão Ordinária da Câmara Municipal, realizada nesta terça-feira, 17 de março. O convite ao Tenente Coronel Valberto foi efetuado pela Mesa Diretora da Casa, atendendo requerimento aprovado em Plenário efetuado pelo Vereador Eduardo Hoffmann (PDT).

Durante o espaço concedido para sua alocução, o Tenente Coronel Valberto discorreu sobre as responsabilidades da Guarnição Especial em Brusque, relatando aos senhores vereadores as atividades da unidade policial militar em Brusque.

Também apresentou aos Vereadores alguns relatórios estatísticos das atividades da Guarnição em Brusque. Segundo o Tenente Coronel Valberto em 2008, o COPOM - Centro de Operações da Polícia Militar registrou 7.566 (sete mil quinhentas e sessenta e seis) ocorrências. Estes dados relatam ainda que o maior número de ocorrências no Município está relacionado aos acidentes de veículos com danos materiais. Em segundo lugar, ainda conforme o relato do Comandante da PM em Brusque, diz respeito aos acidentes de trânsito com lesões corporais e em terceiro lugar estão as averiguações de pessoas em atitudes suspeitas.

Com relação às ocorrências cadastradas por região, o Centro é o que concentra o maior número de registros pelo Copom. Em segundo lugar está o Bairro Santa Terezinha e em seguida o Bairro Steffen.

Após apresentar este relato, o Tenente Coronel Valberto Della'Antônia respondeu a perguntas elaboradas pelos senhores Vereadores. Ocuparam a Tribuna para questionar o Comandante da Guarnição Especial, os Vereadores Eduardo Hoffmann, Valmir Coelho Ludvig, Celso Carlos Emydio da Silva, Jonas Oscar Paegle, Ademir Braz de Sousa, Alessandro André Moreira Simas, Roberto Pedro Prudêncio Neto e Edson Rubem Muller.

As questões foram as mais variadas possíveis, desde a transformação da Guarnição Especial em Batalhão, o que segundo o Tenente Coronel Valberto só está dependendo de uma assinatura do Governador do Estado, até o patrulhamento ostensivo próximo a pontos de concentração permanente de pessoais, tais como igrejas, educandários, festas e etc...

 

Áudio Relacionado

  • Arquivo temporariamente indisponível

Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

veja também