AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 07/02 - 17H

imprensa

04/11/2022

Explicações Pessoais

Nik garante que manifestações pós-eleição são pacíficas e de forma alguma “baderneiras”

Destaque

Foto: Arquivo/Imprensa Câmara Brusque

Ao final da sessão ordinária desta terça-feira, 1° de novembro, o vereador Nik Imhof (MDB) rebateu o comentário que teria sido feito em redes sociais pela vereadora Marlina Oliveira (PT), de que são baderneiras as manifestações ocorridas no Brasil após a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para presidente da República, no último domingo, 30 de outubro.

O vereador disse que acompanhou os protestos realizados nas rodovias Ivo Silveira (SC-108) e Antônio Heil (SC-486), onde verificou atos pacíficos. “Diferentemente das manifestações promovidas pelo PT, onde invadem igrejas, incitam o ódio e invadem propriedades privadas, elas são pacíficas”, assegurou.

“São pessoas que estão revoltadas com todo o processo eleitoral que passamos nos últimos dias. Não digo só na questão do voto, mas sim, da campanha eleitoral, onde a gente viu, reiteradamente, a censura da mídia, de empresários, de redes sociais. Isso tudo indigna a população”, definiu o parlamentar.

Imhof ainda respondeu à afirmação, que também teria sido postada em rede social da vereadora, de que médicos e cargas de medicamentos estariam impedidos de passar nos bloqueios das rodovias. “Muito pelo contrário, era sempre priorizado. Quando tinha algo necessário passava tranquilamente nesses pontos espalhados aqui na nossa cidade e nossa região”, ressaltou.

“Dizer também que as pessoas que estão nessas manifestações defendem Deus, a pátria, a família e principalmente a liberdade, que foi cortada de nós durante a campanha eleitoral deste ano. E que a nossa bandeira, independe do presidente, sempre será verde e amarela”, encerrou Nik. 

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também