AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 11/10 - 17H

imprensa

12/09/2022

Pronunciamento

Anderson Imhof exalta trabalho voluntário brusquense com imigrantes do Haiti e da Venezuela

Destaque

No uso da tribuna durante a sessão ordinária da última terça-feira, 6 de setembro, o vereador Anderson Imhof (PP), aproveitou a semana do bicentenário da Independência do Brasil para exaltar um trabalho voluntário realizado em Brusque para imigrantes provenientes do Haiti e da Venezuela. Em suas palavras, “pessoas que fazem do Brasil sua nova pátria”.

“É um trabalho voluntário que começou em 2015.Teve iniciativa da professora Anelede, que está na plateia nos prestigiando, e ensina português, interpretação de texto, conjugação e conversação”. Imhof informou que as aulas são concedidas todas as quintas-feiras, na Escola de Educação Básica (E.E.B.) Francisco de Araújo Brusque, no São Luiz.

O projeto também engloba, por exemplo, aulas relacionadas ao trânsito e ao mercado de trabalho. “Neste ano, 20 vagas de emprego foram fornecidas. Indicações de empresas que buscam mão de obra qualificada, mas às vezes, encontram dificuldades na questão do idioma. A maior dificuldade deles é o idioma, na busca de um emprego, na questão médica, na própria Policlínica não há um tradutor, alguém que possa ajudá-los”, explicou.

“A Constituição Federal prevê que o direito à vida, à segurança, à comunicação, são direitos do cidadão. O poder público fornece assistência, mas eles precisam, muitas vezes, de empatia, e esse trabalho da professora Anelede faz isso”, enalteceu.

Legislativo

Suplente de Jean Pirola (PP), Anderson Imhof ocupou o posto de vereador entre 10 de agosto e 8 de setembro, período em que o titular da cadeira ficou licenciado. “Meu trabalho vai continuar, a política a gente faz todos os dias. Lógico que o Legislativo e a tribuna dão força, mas a política a gente faz no dia a dia. Eu vou continuar fazendo meu trabalho, com ou sem mandato, continuar discutindo e trazendo as pautas que eu sempre trouxe. Discutindo os problemas de Brusque, fazendo essa conexão que, muitas vezes, as pessoas não conseguem, e continuar nesse processo de que a política deve ser sempre exaltada como algo bom e produtivo”, registrou o parlamentar. 

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também