AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 11/10 - 17H

imprensa

10/02/2022

Pronunciamento

Déco Batisti comenta a instauração de processo administrativo que investiga o programa Bolsa Atleta

Destaque

O vereador André Batisti, o Déco (PL), falou durante a sessão ordinária desta terça-feira, 8 de fevereiro, a respeito do processo administrativo que investiga possíveis irregularidades no programa Bolsa Atleta em Brusque. Ele destacou que o procedimento foi desencadeado a partir de uma série de pedidos de informações encaminhados pela Câmara ao Poder Executivo no ano passado. Deco, Jean Dalmolin (Republicanos) e Ricardo Gianesini, o Rick Zanata (Patriota), foram autores dessas proposições.

“A controladoria viu que tinha vários problemas no projeto e no dia 10 de janeiro a Prefeitura instaurou uma tomada de contas especial para investigar isso”, relatou o parlamentar. “A gente está acompanhando todos os retornos aos pedidos de informações e também o trabalho interno”, prosseguiu.

Déco acrescentou que Alessandro Simas (DEM) e André Vechi (DC) estudam alterar a legislação em vigor a fim de evitar a ocorrência de futuros problemas com a concessão de bolsas para atletas e técnicos pelo Município.

Guard rails

Num segundo momento, o edil abordou o Pedido de Informação nº 140/2021, aprovado em outubro e pelo qual ele, Ivan Martins (DEM), André Rezini (Republicanos) e Cassiano Tavares, o Cacá (Podemos), recomendavam ao Executivo que fosse estudada a viabilidade de instalação de dispositivos de segurança chamados de “guard rails” ao longo das margens do Itajaí Mirim. A ideia tinha como objetivo minimizar o risco de quedas de veículos nas águas e colisões entre veículos e animais que trafegam das margens do rio para as pistas de rolamento. A mesma proposição indicava a realização de um estudo pluviométrico para averiguar se a medida poderia comprometer a função da Beira Rio como canal extravasor.

“Em 24 de novembro, a Prefeitura pediu prorrogação de prazo para responder. Infelizmente, a gente já está em fevereiro, vai ter reunião e acredito que não tenham o estudo na mão”, criticou.

A reunião mencionada por Déco teve como foco a prevenção de acidentes de trânsito no rio Itajaí-Mirim e ocorreu na tarde desta quarta-feira, 9, no gabinete do prefeito Ari Vequi (MDB). Déco e outros vereadores participaram. Um novo encontro ficou agendado para março e a expectativa é de que até lá seja apresentado um estudo capaz de indicar a melhor alternativa para a questão.

“A gente quer um estudo técnico para que possa analisar e, aí sim, ir atrás de recursos, solicitar [medidas] aos órgãos responsáveis ou até aprovar alguma coisa para destinar verba para fazer essa segurança”, concluiu. 

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também