AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 11/10 - 17H

imprensa

12/11/2009

Ludvig manifesta-se na Tribuna sobre vários assuntos

Ao usar a tribuna durante sessão ordinária de terça-feira, 10, Valmir Ludvig manifestou-se sobre vários assuntos. Ao falar sobre a Conferência Municipal de Saneamento Básico, o parlamentar revelou que há muitos canos enterrados pelo Município, e que para saber se funcionam ou não, e se dá para reaproveitá-los, o Executivo vai gastar mais de R$ 1 milhão. “Esse é um assunto que requer a devida importância. Não adianta a gente fazer só o saneamento básico. Se não cuidarmos de tudo isso que foi falado aqui, como a poluição e a questão dos loteamentos, por exemplo, não resolve. Continuo dizendo para a comunidade que é preciso denunciar sim. Tem que ter coragem de denunciar e coragem de parar de fazer coisas irregulares, pois temos que pensar melhor a cidade. Tenho certeza de que o esforço da Fundema e do Governo Municipal somado ao esforço desta Casa façam de Brusque uma cidade habitável de qualidade”, ressaltou.

O parlamentar também falou sobre as reuniões que o Núcleo de Defesa Civil vem fazendo nos bairros a fim de trabalhar a prevenção. “Parabenizo esta iniciativa pois é essencial para que nas horas de catástrofe, as pessoas estejam preparadas para lidar com a situação”, frisou.

A inauguração de uma ATI – Academia para Todas as Idades no bairro Santa Rita foi elogiada por Valmir. “Muita gente esteve participando e lá a comunidade conseguiu juntar duas coisas, que é a academia e um parque para as crianças. E creio, que a exemplo da ATI da rua Hercílio Luz, a academia do bairro Santa Rita, onde a população tem a possibilidade de fazer exercícios e cuidar da saúde, deve ser também bastante frequentada”, considerou.

Logo, o vereador registrou que a Campanha Paz no Trânsito continua trabalhando a conscientização das pessoas, e ainda informou sobre a Agenda da Fundação Cultural que prevê uma programação especial sobre a Semana da Consciência Negra, onde haverá apresentação de música, filme, contação de histórias africanas, oficina de bonecas africanas. “A comunidade está convidada a participar e conhecer mais sobre a cultura negra”, destacou Ludvig.

 

Confira o pronunciamento completo do vereador na gravação abaixo.

Áudio Relacionado

  • Arquivo temporariamente indisponível

Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

veja também