AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 11/10 - 17H

imprensa

04/11/2009

Roberto Prudêncio chama atenção para superlotação da UPA

O vereador Roberto Pedro Prudêncio Neto usou a tribuna na terça-feira, 3, para falar sobre a Unidade Prisional Avançada de Brusque, que foi inaugurada há pouco tempo e já está passando por problemas de superlotação. “Diante desse quadro, creio que nós vereadores, temos o dever de unir forças com a Prefeitura, o Governo do Estado e a SDR a fim de resolver este problema. Enquanto fui diretor da Secretaria de Desenvolvimento Regional acompanhei a batalha de várias pessoas, inclusive do governador, para tirar do papel a tão sonhada Unidade Prisional Avançada. E ela saiu do papel, foi inaugurada e hoje estamos aqui novamente para lutar pela ampliação desta UPA”, destacou o parlamentar.

Prudêncio disse estar acompanhando a situação pela imprensa e que também entrou em contato por telefone com o supervisor da UPA Odair Marcos Barbeiro. “Ele me falou que quando concedeu entrevista ao Jornal Município havia 96 detentos e hoje já passa de 100. Então ele está extremamente preocupado, mesmo sem a ocorrência de grandes problemas até agora, pois desta forma, ainda está conseguindo administrar. Mas teme que se chegar ao número de 120 detentos se tornará praticamente impossível trabalhar lá e manter a qualidade de vida dos presos. Então, ao conversar com Odair coloquei esta Casa a disposição e ele nos sugeriu que fizéssemos uma visita ao local, pois existem projetos que gostaria de nos mostrar, no sentido de melhorias, ampliação e área de trabalho com alojamento anexo para aqueles que apresentarem bom comportamento possam desempenhar alguma atividade e desafogar as celas. Portanto, temos sim que dar as mãos frente esta questão séria que diz respeito a todos nós”, frisou o vereador, lembrando que faz apenas cinco meses que entraram os primeiros detentos na UPA e sugerindo que os vereadores façam uma visita ao local.

Em aparte Alessandro Simas reconheceu o assunto como preocupante e declarou perceber o crescimento da demanda. “Temos sim que participar e buscar nos meios políticos o que for possível para reverter esse quadro”, opinou.

Ademir Braz de Sousa também em aparte manifestou-se surpreso com a quantidade de detentos na Unidade Prisional e observou que a UPA deve abrigar apenas presos daqui da cidade. “Esse grande número mostra que a segurança de Brusque está trabalhando e se a Unidade foi construída para que a sua ampliação fosse feita quando necessária, então, temos sim que lutar por isso”, concluiu.

Por fim, Jonas Paegle comentou o assunto e considerou a presença da UPA uma segurança para a população. “Temos que ir atrás das necessidades. A cidade está crescendo e os problemas vão se avolumando”, declarou.

 

Confira na gravação abaixo o pronunciamento completo do vereador Roberto Prudêncio.

Áudio Relacionado

  • Arquivo temporariamente indisponível

Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

veja também