AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA (online, via aplicativo): 09/06 - 17H

imprensa

02/03/2020

Ensino

Comissão Especial de Educação começa a fiscalizar escolas do município

Destaque

Vereadores são recebidos na EEF Professora Adelina Zierke, no bairro São João.

A Comissão Especial de Educação do Poder Legislativo, formada por cinco vereadores, realizou em fevereiro as primeiras visitas fiscalizatórias previstas em seu cronograma de ações. No dia 20, Ana Helena Boos (PP), Claudemir Duarte, o Tuta (PT), Gerson Luís Morelli, o Keka (PSB), e Marcos Deichmann (PATR) foram recepcionados na Escola de Ensino Fundamental (EEF) Professora Adelina Zierke, no São João. No dia 21, Ana Helena, Deichmann e Sebastião Alexandre Isfer de Lima, o Dr. Lima (PSDB), estiveram no Centro de Educação Infantil (CEI) Alberto Pretti, no Limeira, e na última sexta-feira, 28, Keka, Dr. Lima e Deichmann se encontraram na EEF Edith Krieger Zabel, no Dom Joaquim. Todas as três unidades estão localizadas em áreas rurais.

“A visita foi muito importante. Realmente, as escolas de campo têm muito a ensinar às outras. São situações específicas da região, nem todas as escolas são iguais. A gente vê a importância do engajamento da comunidade e da própria equipe de trabalho, que as coisas podem funcionar de forma tranquila no aprendizado se todos se envolverem”, salienta Deichmann, presidente da comissão, sobre a experiência na EEF Professora Adelina Zierke.

“A surpresa é bem positiva, porque sempre vemos as pessoas recebendo informações negativas em relação à educação e a outros serviços, como segurança e saúde. Isso tem que ser propagado, nós temos que divulgar. Eu acredito que não só deveria existir nas escolas de campo, mas todas deveriam fomentar esse tipo de atividade e de conhecimento”, reforçou Dr. Lima ao falar sobre projetos desenvolvidos na EEF Edith Krieger Zabel.

Nessa fase dos trabalhos, um questionário em meio físico é utilizado para a apuração de informações complementares à pesquisa lançada no site da Câmara, cujo público-alvo são professores, diretores, demais servidores e presidentes das associações de pais e professores (APPs). A iniciativa visa subsidiar um panorama da educação pública de Brusque, por meio da abordagem de aspectos como infraestrutura física, áreas de esporte e lazer, laboratórios de informática, materiais didáticos, merenda, segurança, entre outros.

Além das visitas presenciais e da pesquisa online, os vereadores também trabalham na análise do relatório da Comissão Especial da Educação da legislatura passada, a fim de verificar o atendimento das recomendações indicadas naquela oportunidade ao Poder Executivo.

“Viemos buscar novas informações para ver se, com o aumento da demanda, surgiram outras dificuldades. Estamos fazendo o nosso relatório e com certeza isso será apresentado no final dos trabalhos ou até mesmo já passaremos algumas questões à Secretaria de Educação”, diz Deichmann.

Durante as diligências, uma proposta cogitada foi o acompanhamento constante da área da Educação pela Câmara Municipal.

“Quanto a ter uma comissão permanente, acho que seria o ideal, porque ela poderia passar em cada escola para ver o que falta, aquilo que era o nosso objetivo desde o começo, quando montamos a comissão especial. Sempre falamos em não fazer caça às bruxas, mas sim em ver o que as escolas estão necessitando para que possamos fazer o pedido e as coisas serem atendidas”, destaca Keka.

Diretoras ressaltam importância da comissão

“Em 2014, tinha muita coisa pendente, mas graças a Deus a gente evoluiu bastante, muitas providências foram tomadas. A visita de hoje é muito importante, porque analisa o que falta realmente e o que pode nos ajudar”, observa a diretora da EEF Professora Adelina Zierke, Neusa Sapeli Teixeira.

“A junção dessa comissão com a Secretaria de Educação vem contribuir com ambas as partes e é muito importante, porque a gente vê que vai ter mais força nas mudanças e benfeitorias que podem existir. Acho que ela [a comissão] tem que ser permanente, continuar com esse trabalho”, afirma a diretora do CEI Alberto Pretti, Katia Meri Fantini Coelho.

“É assim mesmo que tem que caminhar, é essa parceria que deve haver em todos os setores públicos. Só assim a nossa educação cresce, a gente vê bons resultados. A presença dos vereadores na escola é extremamente importante, com esse ideal, esse objetivo de conhecer e vir ajudar”, comenta a diretora da EFF Edith Krieger Zabel, Elaine Petermann. 

Agenda

Todas as escolas da rede pública municipal de ensino serão fiscalizadas. Essas atividades devem ocorrer semanalmente, sempre às quintas e sextas-feiras, mediante prévia comunicação aos educandários.

Nesta quinta-feira, 5 de março, serão visitados a EEF Rotary Club Companheiro Ayres Gevaerd e o CEI Tia Denise, ambos no Volta Grande. Na sexta-feira, 6, os vereadores estarão na EEF e no CEI Padre Theodoro Becker, no Bateas. 

Pesquisa online

link para acesso à pesquisa online da Comissão Especial de Educação continua disponível em www.camarabrusque.sc.gov.br. A participação é condicionada ao preenchimento de um cadastro - procedimento desvinculado das respostas a serem fornecidas, a fim de preservar a identidade do usuário. Só é possível responder ao questionário uma única vez.

Resultados

Clique aqui e confira o resultado da pesquisa referente à EEF Professora Adelina Zierke.

Clique aqui e confira o resultado da pesquisa referente ao CEI Alberto Pretti

Clique aqui e confira o resultado da pesquisa referente a EEF Edith Krieger Zabel.

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também