AGENDA

COLETIVA DE IMPRENSA - COMISSÃO ESPECIAL DE EDUCAÇÃO: 21/11 - 16H

SESSÃO ORDINÁRIA: 26/11 - 17H

imprensa

17/10/2019

Pronunciamento

Sociedade brasileira só vai progredir por meio da educação, reflete Dr. Celso

Destaque

Ao abrir seu pronunciamento durante a sessão ordinária desta terça-feira, 15 de outubro, o vereador Celso Carlos Emydio da Silva, o Dr. Celso (DEM), registrou cumprimentos aos vereadores que exercem a profissão de professor, estendendo as congratulações a todos os professores do município, do estado e do país.

Em seguida, Dr. Celso elogiou o vídeo exposto no telão do plenário por Gerson Luís Morelli, o Keka (PSB), que o antecedeu na tribuna. A gravação era uma reportagem com foco nas medidas que levaram ao “milagre finlandês” na educação.

“Esta é uma revolução baseada em fatores notadamente corretos, bem orientados e que acabam por permitir um resultado desses. Talvez seja a Finlândia um pedacinho do paraíso, que nós não temos aqui. O nosso país, na realidade, é extremamente eclético, do ponto de vista cultural, sociocultural, ambiental e em todos os setores. Definir prioridades cabe, realmente, a quem está executando as funções de gestor de uma estrutura administrativa e claro que a sociedade vê as prioridades que são elencadas, seja no município, no estado ou no país”, refletiu.

“Será que nas escolas da Finlândia se discute ideologia de gênero?”, questionou Dr. Celso. “Ou será que eles educam de forma diferente? Será que nas escolas de lá há aulas para se orientar sobre como se faz sexo oral? Será que na Finlândia a população chega numa estrada e liga carros com som estridente, horroroso e faz um ‘pancadão’? Hoje, o nosso país hoje tem um tecido social difícil de resolver. Ou partimos para criar ordem no Brasil, o que implica disciplina, respeito, honestidade, boas orientações, valorização do ser humano, ou vamos ficar igual a cachorros querendo pegar o rabo, sem sair do lugar”, acrescentou. “Se quisermos progredir, será através da educação, mas com professores com formação e compromisso que ajudem a levar o progresso ao tecido social. Precisamos de uma revolução na área educacional e principalmente na formação de valores dentro da cultura do nosso povo”.

Fenarreco

Dr. Celso também teceu comentários acerca das críticas expressas na tribuna em relação à ausência de decoração na cidade para a 34ª edição da Festa Nacional do Marreco - Fenarreco, e também devido a questões sobre o som do desfile de abertura do evento, realizado dia 10.

“Será que o governo se omitiu? Será que o governo não tem sensibilidade de enxergar essa parte tão importante da ornamentação? Ou será que decidiu não investir ou gastar esse recurso nesse momento? Talvez os resultados da Fenarreco irão cair um pouco, mas também temos que acreditar que não foi por uma atitude juvenil, sem pé e nem cabeça, que o governo resolveu não implantar esses adereços”, avaliou. “Dou um voto de confiança à gestão, que me parece séria, honesta, transparente e tem apresentado bons resultados”. 

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também