AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 18/06 - 17H

imprensa

06/06/2019

Pronunciamento

​Marcos Deichmann relata situação da quadra esportiva da Escola Paquetá

Destaque

Em pronunciamento na sessão ordinária desta terça-feira, 4 de junho, o vereador Marcos Deichmann (Patriota) discorreu sobre a obra em andamento na quadra esportiva da Escola de Ensino Fundamental Paquetá. O parlamentar rebateu a abordagem do assunto feita pelo vereador Paulinho Sestrem (Patriota), em vídeo nas redes sociais, cobrando a conclusão dos trabalhos na estrutura do educandário.

Deichmann, que também preside a Associação de Pais e Professores (APP) da instituição, apresentou um relatório com o trâmite do processo, desde que uma tempestade destelhou a quadra de esportes, em dezembro de 2018. Ele explicou que a reposição das telhas pela Secretaria de Obras iniciou em fevereiro e se estendeu pelo mês de março. O vereador também relatou diversos problemas com a empresa licitada para a instalação de calhas. Segundo informações do parlamentar, a APP se propôs, com recursos próprios, a arcar com uma nova contratação para fazer o trabalho, porém, esbarrou no empecilho de o serviço já ter sido iniciado pela companhia licitada.

“A empresa então concluiu o trabalho no dia 2 de maio e, 11 dias após, na primeira chuva, as calhas vieram a baixo, devido à má instalação e à baixa qualidade. Foi emitida notificação de prazo de 15 dias para conserto e o não cumprimento acarretaria na abertura de processo administrativo”, relatou. Segundo ele, o prazo foi expirado e solicitaram à comissão responsável a rescisão de contrato com a prestadora. Logo, a Secretaria de Educação emitiu aval à APP da escola para que pudesse custear o trabalho de outra empresa e, em contrapartida, a pasta ofereceu o fechamento da lateral da estrutura, que é aberta e dificulta a utilização em dias de chuva e vento, explicou Deichmann.

“Não é como foi dito, que até agora não fizemos nada, estamos cobrando. A única culpada disso tudo foi a empresa licitada para calhas”, criticou. “É dever do vereador buscar informações antes de jogar essas questões na mídia, para fazer lobby político”, continuou. Por fim, o parlamentar reiterou a presença do coordenador administrativo da unidade na sessão, e sua disponibilidade para esclarecer tópicos sobre o caso. 

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também