AGENDA

RECESSO PARLAMENTAR: 17/07 - 31/07

SESSÃO SOLENE - TÍTULOS DE CIDADÃO HONORÁRIO: 01/08 - 19H

imprensa

03/04/2019

Visita

​Intercambistas alemãs conhecem a Câmara Municipal

Destaque

Vereadores Tuta Duarte e Paulinho Sestrem, diretor geral Jefferson Silveira, as intercambistas Christin e Regina, Ana Paula e Juliana, da Unifebe, vereadora Ana Helena e vereador Dr. Lima.

A Câmara Municipal recebeu na tarde desta terça-feira, 2, a visita de duas acadêmicas alemãs que estão fazendo intercâmbio no Centro Universitário de Brusque (Unifebe). Regina Glöckler é estagiária na Coordenação de Engenharia Mecânica e Christin Ittensohn, no setor de Recursos Humanos (RH) da instituição. Na Alemanha, Regina e Christin cursam Gestão Pública na Kehl University of Applied Sciences.

Elas estiveram na casa legislativa acompanhadas da assessora de Relações Internacionais da Unifebe, Ana Paula Bonatelli, e da supervisora de RH da universidade, Juliana Peixer. A vereadora Ana Helena Boos (PP) e os vereadores Claudemir Duarte, o Tuta (PT), Paulinho Sestrem (PRP) e Sebastião Lima, o Dr. Lima (PSDB) participaram da recepção às intercambistas junto do diretor geral da Câmara, Jefferson Silveira, e do assessor da mesa diretora, servidor Roland Alfredo Koehler.

No plenário, Regina e Christin receberam informações sobre a dinâmica de funcionamento do Poder Legislativo municipal e conversaram com os vereadores sobre a experiência no Brasil, os mecanismos públicos de incentivo ao intercâmbio na Alemanha, suas aspirações profissionais futuras, entre outros assuntos. 

Christin conta que o curso de Gestão Pública na Alemanha é bastante focado em assuntos ligados à economia e ao direito: “É um estudo diversificado que permite que você trabalhe em todas as seções da administração pública mais tarde”, explica.

Ao comparar a Câmara de Vereadores com o Conselho da Cidade - órgão análogo às câmaras municipais na Alemanha - a estudante apontou para a participação do prefeito nas reuniões do Conselho e uma maior participação feminina no parlamento municipal alemão: “Uma grande diferença que percebi foi que o prefeito não participa das sessões das câmaras. Na Alemanha, o prefeito é o líder da sessão, de modo que há muita comunicação entre ele e a Câmara. E acho que na Alemanha é mais comum termos mulheres como vereadoras também. Em Brusque, há apenas uma vereadora hoje”, constatou.

Regina também registrou suas impressões sobre a visita à Câmara de Brusque: “Eu realmente gostei, foi uma experiência muito interessante conhecer os vereadores. Eles estavam muito abertos e passaram bastante tempo a nos mostrar tudo”. A ela, também chamou atenção que o prefeito não esteja presente às sessões do Legislativo: “A cooperação entre o prefeito e o Câmara de Vereadores é diferente. Na Alemanha, o prefeito está sentado na reunião da Câmara e participa de todas as discussões”, observa.

Regina e Christin ficam no Brasil até meados de maio.

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também