AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA : 05/07 - 17H

imprensa

04/02/2009

Roberto Prudêncio se diz indignado com as filas do FGTS

Fazendo sua estreia na Tribuna da Câmara, o vereador Roberto Pedro Prudêncio Neto (PDT), manifestou sua indignação com as filas diárias dos brusquenses em busca da liberação do FGTS - Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, benefício este concedido pelo Governo Federal às pessoas residentes nos Municípios atingidos pelas cheias de novembro de 2008, cujas Administrações Municipais decretaram Estado de Calamidade.

Prudêncio citou a Constituição Federal que declara a família como base da sociedade, sendo dever do Estado promover proteção especial de seus entes. Garante também a todos os brasileiros o atendimento mínimo do Estado aos anseios da sociedade, entre os quais a concessão do FGTS - Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. Além disso, o FGTS é uma garantia constitucional daqueles que possuem a Carteira Profissional assinada e, portanto não é uma doação e muitos menos um presente. Infelizmente para o trabalhador brusquense retirar o seu FGTS junto à Caixa Econômica Federal, precisa ele enfrentar filas gigantes, passar noites inteiras no sacrifício, muitas vezes com crianças, em um lugar sem estrutura, além de enfrentar a chuva e o sol forte para receber uma senha que lhe dá direito a uma outra fila, que é a do saque.

O trabalhador brusquense, segundo Prudêncio, com certeza merece muito mais respeito. E se não bastasse esta situação, as filas estão também provocando transtornos involuntários ao comércio nas imediações da antiga Agência da Caixa Econômica Federal. O vereador afirmou que em Blumenau e Itajaí os trabalhadores estão sendo tratados com muito mais dignidade, em locais fechados com maior estrutura. Prudêncio Neto perguntou: "Será que em Brusque não há condições de atender estas famílias, muitas delas atingidas pelas cheias de novembro em um local mais digno?"

O vereador encerrou seu pronunciamento afirmando que continua vigilante no atendimento destas famílias atingidas pelas enchentes no ano passado, mas que é importante também que o Poder Legislativo de Brusque se coloque a disposição da Administração Municipal e da Defesa Civil, porque segundo ele, ainda há muita gente precisando de ajuda no Município.

Áudio Relacionado

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também