AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA : 28/06 - 18H

imprensa

07/05/2009

Dejair Machado questionou as manifestações da platéia e falou sobre uma ação judicial

Dejair Machado iniciou seu pronunciamento manifestando seu descontentamento com as manifestações em plenário durante pronunciamentos anteriores ao seu. O Vereador disse que a Câmara não é um palco, que a Sessão não é um comício, que há regras o Legislativo que devem ser respeitadas previstas no Regimento Interno da Casa e na Lei Orgânica do Município que proíbem qualquer manifestação. Lembrou que não é só a Câmara de Brusque que estas regras existem. Em seguida falou sobre uma ação judicial envolvendo o terreno em frente ao prédio da Câmara em que o Município foi condenado a devolver cerca de R$ 2.500.000,00 (dois milhões e quinhentos mil reais) pagos em 60 parcelas, mas que em uma nova ação na Justiça patrocinada pelo atual Procurador do Município está indenização teve seus valores revistos para mais de 04 milhões de reais e que deverão ser pagos em uma única parcela. 


Ouça abaixo todo o pronunciamento do Vereador durante a Sessão Ordinária realizada terça-feira, 05 de maio.

Áudio Relacionado

  • Arquivo temporariamente indisponível

Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

veja também